Olá viajantes!

Todo mundo sabe a loucura e complicação que é para fazer as malas para uma viagem.
Vamos dar umas dicas de como fazer sua mala sem preocupações, esquecimentos e sem excesso de peso!

 

1. Faça uma lista

É verdade que não é uma coisa assim tão tão, mas listas à prova de estupidez são a receita ideal para férias sem stress. Faz a distinção entre o que quer e o que precisa mesmo de levar, e ser realista com as restrições de bagagem. Se precisa de inspiração para fazer listas – esta mesmo pode ser um bom começo!

 

2. Não esqueça do kit de primeiros socorros

Não é preciso dar numa de hipocondríaco, basta uma bolsinha com os remédios mais necessários. No final das contas, ninguém quer dores de cabeça estonteantes, febres tropicais ou dores de barriga durante as férias. Pode ser fácil pegar as coisas na farmácia em casa, mas os remédios que precisa no país ou local que está indo visitar podem estar sujeitos a receita médica. O mesmo aplica-se a medicação para as alergias ou asma – para dentro da mala!

 

3. Menos líquidos (para viagens internacionais)

Nesta altura do campeonato já estamos fartos de ouvir e, no entanto, continua havendo confusão em massa e atrasos quando algum espertinho tenta fazer passar sorrateiramente uma garrafa de água na segurança do aeroporto. Para grande desgosto de todos, as restrições de bagagem pela Europa foram ditas que todos os líquidos transportados em bagagem de mão não podem exceder os 100 ml e terão de caber num único saco transparente  (normalmente disponível no aeroporto por um preço simbólico). Se levar alguma coisa maior e não a quer ver confiscada, coloque na bagagem que vá ser despachada.

 

4. As etiquetas de identificação estão lá para ajudar

A não ser que seja um certo agente secreto, não tem que se preocupar com viajar clandestinamente. A maior parte das malas têm etiquetas de identificação incorporadas, mas vale preencher, assim ninguém (nem a companhia aérea) irá perder de vista a sua bagagem!

 

5. Obedeça as restrições de bagagem

Se a companhia aérea diz que são “23kg”, são 23kg! Melhor pesar as malas antes de chegar ao aeroporto e certifica-se de que não excede os limites, senão irão forçar a abrir a bolsa no aeroporto, ou pior, a despedir aos prantos daquele casaco de malha que a sua avó te deu, com tanto amor e carinho, com horas tricotando. As restrições estão lá por uma razão, pela sua segurança. O que nos leva ao ponto seguinte.

 

6. Guarde espaço para as compras das férias

Sejam elas compras duty free ou as habituais lembranças, é inevitável que volte para casa com mais do que levou – por isso tenha certeza de que vai caber tudo!

 

7. Dispense os sapatos

O maior e mais frustrante artigo na bagagem. A quantidade de pares de sapatos que deve levar depende da extensão da tua viagem, mas nós sugerimos que 3 pares são uma quantidade razoável para uma fuga de 1-2 semanas. A versatilidade é mais importante que o volume, seja realista com as tuas escolhas para não acabar escalando montanhas de saltos altos. Para poupar ainda mais espaço, leve o par maior e/ou mais pesado na bagagem que for despachar e enche o restante com meias.

 

8. Quanto menos “cosmética” melhor!

A não ser que os seus planos envolvam viajar para uma ilha deserta, o mais provável é que possa comprar shampoo ou creme solar em quase todos os cantos do mundo. Levar menos produtos de higiene também reduz a probabilidade de deparar à chegada no teu destino com uma explosão pegajosa a contaminar todo o interior da sua mala. Se não consegue mesmo sobreviver sem aqueles cremes para o rosto especial, tente levar só a quantidade necessária para a viagem, nem mais nem menos. Assim pode deixar de fora, frascos vazios e ganhar espaço extra para a viagem de regresso.

 

9. O truque do enrola

Esta dica pode não convencer a todos mas nós achamos que enrolar a roupa é o método mais eficaz de fazer a mala. Não só evita que a roupa fique toda amarrotada como economiza bastante o espaço limitado que tem de bagagem.

 

10. Todos os pertences de valor na bagagem de mão

GADGETS

Hoje em dia é raro (mais ou menos né? rsrs) que as companhias aéreas percam a nossa bagagem, mas para quê arriscar? Guarde todos os seus pertences caros – desde a máquina fotográfica ao anel de diamantes – na bagagem de mão.

 

11. Não esqueça dos adaptadores

Se vai precisar deles, não esqueça ou compre com antecedência. Deixar pra comprar no destino ou no aeroporto pode ser muito caro!

 

12. Leva roupa versátil e não peças arrojadas difíceis de vestir

Se te apetece levar aquela fantasia de  gorila que comprou no carnaval, pense se será mesmo preciso. Fantasias a parte, estas são decisões importantes a tomar na hora de ver o espaço da mala. Leve roupa versátil que sirva para qualquer ocasião e uma ou outra opção mais sofisticada, mas guarde os trajes excêntricos para as saídas em terreno caseiro.

 

13. Seja delicado com as peças delicadas

Se tem que levar artigos frágeis na mala, embrulha-os em plástico bolha ou entre a roupa e colocá-los no centro da mala é a forma mais prudente de assegurar que cheguem inteiros ao seu destino.

 

14. Sistematiza a sua roupa

Agrupe a sua roupa: ou seja, camisas com camisas, calças com calças – vai ser mais fácil encontrar o que precisa quando estiver do lado de lá.

 

15. Leve uma muda de roupa na bagagem de mão

É sempre uma boa ideia levar uma muda de roupa extra na bagagem de mão. Só para o caso de chegar ao teu destino e as suas malas não.

 

16. Não tente adivinhar como vai estar o tempo – consulte a meteorologia!

guarda_chuva

Dependendo do seu destino, as previsões meteorológicas podem ser o melhor amigo das suas férias ou o seu pior inimigo. Faça chuva ou faça sol, os meteorologistas são a melhor fonte para saber o que esperar do tempo no seu destino de férias. Verifique um dia antes e faça as malas de acordo com essa informação. Reserve espaço para um impermeável ou guarda-chuva – e de preferência, que não chegue a sair da mala.

 

17. Nada de manicures a bordo

Se está pensando em levar uma lixa, tesoura, ou qualquer outro instrumento afiado de embelezamento – pense duas vezes! São proibidos e os funcionários do aeroporto vão pedir que abdique deles.

 

18. Os artigos mais essenciais por cima

Se há alguma coisa em particular que acha que vai precisar mais cedo (talvez no aeroporto), um casaco possivelmente, é a última coisa a entrar na mala. Pode parecer uma sugestão óbvia mas às vezes são essas as que mais precisam de ser relembradas!

 

19. Toalhas?

Toalhas! Mais uma coisa que ocupa imenso espaço, vale a pena dedicar algum tempo a decidir se vai mesmo precisar. Verifica com antecedência se o local onde vai ficar hospedado não as disponibiliza (a maioria dos hotéis hoje em dia disponibiliza sim).

 

20. Striptease na segurança do aeroporto

É pouco provável que te peçam para se despir ,mas é possível que tenha que tirar qualquer coisinha antes de chegar ao seu terminal. O normal são sapatos, cintos e casacos, bem como joalheria e objetos de metal. Se leva um aparelho portátil, celular ou tablet, prepare para apresentar também aos simpáticos seguranças.

 

21. Não saia de casa sem o essencial

Esta penúltima dica não é para se descuidar, sem esses elementos essenciais, não vai  a nenhum lugar a não ser de volta para casa: confere uma, duas, três vezes, que tenha o dinheiro de que precisa, um passaporte válido, documentação completa, e – para bem dos seus companheiros de viagem – uma escova de dentes. Com tudo isto à mão, não vá esquecer do mais importante abaixo:

 

22. Aproveite ao máximo suas férias e registre todos os momentos!

 

 

Fonte: http://www.momondo.pt/inspiracao/21-conselhos-para-arrumar-as-malas-de-viagem/

 

 

 

RECEBA GRATUITAMENTE A NOSSA REVISTA MENSAL!

RECEBA GRATUITAMENTE A NOSSA REVISTA MENSAL!

Receba gratuitamente na sua casa a nossa edição impressa da revista Clube de Viagens com dicas, roteiros novidades e muito mais!

Pronto, agora é só ficar ligado na caixa de correio e aguardar a nossa revista chegar!

Pin It on Pinterest